SOBRE O TEMPO






Descobri o segredo do Tempo 
ele se diverte enganando, amedrontando e escravizando a humanidade
triste de quem não se dá conta de sua existência - NUNCA!
Para vencer as atrocidades do Tempo
é preciso não medir, não contar, apenas vivê-lo como um TODO!
Não divida em momentos, nem em horas, minutos, segundos
nem em dias, anos, décadas, séculos
Sua existência é única
Viver é infinito como pensar, sentir, sonhar
Não existe antes, nem depois
Só existe o AGORA!

Contar o tempo é loucura, insensatez
Ele frágil, intocável, insondável
um tesouro escondido nos dedos de Deus
Resista aos seus encantos
Não entregue-se aos seus enganos

Por isso prefiro pensar minha existência
tendo como parâmetro a natureza:
Venho de muitas luas
alguns sóis
vários invernos
dezenas de outonos
centenas de primaveras
milhares de verões 
prossigo atravessando mares, vales e montanhas 
de qualquer Tempo.

Por: Maria de Fátima Méres de Morais


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AQUELA ÁRVORE

Manual do Caminhante

PAI