DA VIDA





É Vivendo que sem perceber
esquecemos
abandonamos
desprezamos
anulamos
deixamos num canto
paramos de usar

Aos poucos vamos substituindo
excluindo
abortando
renunciando
partindo
mesmo quando ficamos

É preciso resgatar
desamassar
desreprimir
trazer de volta
buscar na alma
o que já morreu
o que se perdeu

Acreditar
reencantar
enamorar
apaixonar
com as pequenas coisas rotineiras
que carregam grandes valores
ressuscitar os sabores
amores
olhares
carinhos
desejos
apodrecidos nos rancores
tudo que só lembramos
quando nada sobrou
quando o tempo levou.


Por: Maria de Fátima Méres de Morais

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AQUELA ÁRVORE

PAI

ILUSÃO